O sonho de ter um esportivo

Dois carros que fazem a cabeça de quem gosta de mais potência.
Postado em |
Envie esta not�cia por e-mail Imprimir not�cia
A+ A-

Honda Civic
O sedã esportivo da Honda foi vendido no Brasil entre 2007 e 2011. Divulgação/Honda

Ter um carro esportivo é um sonho de muita gente que adora automóvel. Quem ainda não tem dinheiro suficiente para comprar um modelo zero quilômetro pode recorrer a um usado ou até seminovo. E sempre é possível achar um bom negócio. Veja duas opções para entrar no alucinante mundo dos esportivos – e, quem sabe, nunca mais sair.

O primeiro é o Honda Civic Si. Por pouco mais de R$ 40 mil é possível achar o sedã ano 2008 que palpitava (e ainda palpita) o coração de muitos entusiastas. O principal motivo é o motor 2.0 i-VTEC aspirado. Ávido por altos giros, ele produz 192 cv de potência e 19,2 kgfm de torque. O câmbio manual de seis marchas tem engates curtos e precisos, um exemplo para dar a diversos carros esportivos com transmissão mecânica.

O design do Civic é um chamariz à parte. Vem com rodas de 17 polegadas com desenho exclusivo, spoiler traseiro e ponteira de escapamento cromada. Vendido no Brasil entre 2007 e 2011, o sedã é oferecido nas cores vermelha, preta e prata. Só fique atento ao estado de conservação deste “foguete”. Afinal, quem teve um modelo assim não costuma andar devagar. Geralmente, esportivos são carros mais baixos que os convencionais, portanto, vale a pena dar uma olhada no assoalho, assim como no escapamento, que pode estar ralado.

Volkswagen Golf
O motor do Golf é o poderoso 2.0 turbo que produz 220 cv. Divulgação/Volkswagen

Já o segundo modelo invocado é um seminovo bastante cobiçado: Volkswagen Golf GTi 2014. O hot hatch, com três anos de uso, custa em torno de R$ 80 mil. Hoje, a versão GTi é feito no Brasil, mas o modelo 2014 era importado da Alemanha. O motor, no entanto, é o mesmo: o poderoso 2.0 turbo com injeção direta de 220 cv. Quando é instigado, o GTi acelera forte e é possível sentir a troca de marcha que o câmbio DSG automatizado de sete marchas e dupla embreagem executa.

Preste atenção no motor, pois o cofre de um turbo às vezes esquenta mais que o de um aspirado. Por isso, borrachas e mangueiras tendem a ressecar precocemente. Nada que impeça, porém, a materialização do sonho de ter um esportivo.


Leia mais notícias

Posta um novo comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *